Resultados

2020: Desempenho, resiliência, agilidade e relevância da nossa ambição

Além de fortalecer as posições do Grupo na América Latina e na Península Ibérica, e com grandes clientes espanhóis trazidos pela IECISA, esta transação enriqueceu as nossas competências e expandiu o nosso catálogo de soluções em vários campos como, como SAP, tecnologia digital, transportes, mobilidade, identidade digital ou saúde. Este ano decisivo foi em grande medida marcado pela revelação da nossa nova identidade, a 1 de janeiro de 2021, altura em que nos tornámos oficialmente Inetum. 

Um nome que se assemelha a nós e que reflete os nossos valores e o nosso ADN - enraizado na palavra latina incrementum que significa crescimento, para acompanhar a nossa ambição de desenvolvimento económico e humano. Uma ambição que incorpora a nossa visão, Positive digital flow, uma identidade que reflete a nossa estratégia e uma aspiração renovada de assumir um ambiente tecnológico que está constantemente em movimento - com IA, IoT, 5G, ambientes virtuais, computação quântica, entre outros. 

O Grupo demonstrou a resiliência do seu modelo de negócios diante de uma crise sanitária sem paralelos. A crise gerada pela pandemia do coronavírus revelou a resiliência do nosso modelo de negócios.

A nossa prioridade foi proteger e salvaguardar todos os nossos colaboradores, por exemplo, mantendo os salários, comunicando a nossa solidariedade e proporcionando ajuda psicológica, implementando um conjunto de medidas para responder às necessidades e expectativas dos nossos clientes - garantindo a continuidade do serviço, recorrendo ao teletrabalho e reduzindo ao mínimo a presença física nas nossas instalações e nas instalações dos nossos clientes. 

Como uma empresa que coloca ênfase na sua responsabilidade social, disponibilizámos, através da tecnologia Botfoundry, um chatbot que fornece ao público informações sobre a pandemia COVID-19. Temos orgulho em ajudar na luta contra o vírus por via das nossas soluções implementadas, por exemplo, em hospitais públicos, laboratórios privados de pesquisa e sistemas de gestão de chamadas de emergência. Estes demonstram a nossa capacidade em responder, de forma conjunta, às expectativas dos nossos clientes com a nossa criatividade e engenho para encontrar as soluções adequadas e - como sempre - para fazer a diferença. 

Graças à solidez do nosso modelo, ao empenho dos nossos colaboradores e à confiança permanente dos nossos clientes e accionistas, temos a convicção de que sairemos destes tempos inéditos, fortalecidos pelas lições que dela aprendemos.

E, finalmente, apesar dessas circunstâncias e fatores macroeconómicos desfavoráveis, 2020 foi um ano de aumento de receita para o Grupo (+ 21,6%), devido principalmente à aquisição da IECISA em 2020 e a uma margem mantida (EBIT de 6,3% em 2019 contra 6,2% em 2020). É importante destacar que esta terrível situação não nos impediu de recrutar mais de 4.600 novos talentos.

No final do ano de 2020, o Grupo contava com mais de 22.300 colaboradores em 26 países. Em 2020 também foi finalizado o nosso plano BOOST2020, afirmando o nosso posicionamento mundial que representa hoje cerca de 60% do nosso volume de negócios. De facto, o Grupo consolidou a sua presença junto de empresas europeias em vários setores de atividade e tem agora uma sólida carteira de clientes mid-market que representa um quarto do nosso volume de negócios.

Embora a crise sanitária nos tenha impedido de atingir as nossas metas de crescimento na margem, o plano BOOST2020 estabilizou a nossa margem operacional e lançou os alicerces para o nosso novo plano estratégico. 

2021 é, portanto, o primeiro ano do nosso plano UPSCALE 2023, que dará continuidade às ações desenvolvidas com o BOOST2020 e, assim, permitirá ao Grupo confirmar a sua posição como um ator chave na transformação digital. 

As medidas tomadas em 2020 permitirão também ao Grupo beneficiar da recuperação observada no último trimestre e da aceleração do Digital Flow em todos os setores e países em que operamos. Ao longo de 2021, fortaleceremos as nossas competências e consolidaremos o nosso portfólio para acompanhar mais clientes em todos os nossos mercados. 

Esta capacidade de transformação contínua que pretendemos partilhar com os nossos clientes é ilustrada por várias realizações notáveis. Em junho de 2020, fomos a primeira empresa de serviços de TI a obter o selo Afaq Innovative Enterprise da Afnor. Da mesma forma, a nossa atuação na indústria contribuiu para o desenvolvimento da Axelle, a primeira máquina a dar vida ao modelo Industry 4.0. Uma linha de desenvolvimento estratégico na alvorada da reindustrialização no mundo ocidental. 

Quero agradecer a todos os colaboradores do Grupo a sua mobilização e incansável empenho numa situação sanitária crítica, em linha com os valores que proclamamos no nosso Grupo - espírito de solidariedade, boa vontade, excelência e compromisso. Mais do que nunca, estamos determinados - com a nossa equipa e para os nossos clientes - a construir uma cultura de digital flow

Nossas informações financeiras

Operando em mais de 26 países, o Grupo tem quase 27.000 colaboradores e, em 2020, gerou receitas de 1,96 mil milhões de euros.